quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Vereador de Quixeramobim é acusado de agredir a Enfermeira



Funcionária garante que vereador lhe agrediu após a mesma tentar levar o médico de volta a emergência.

Um caso ocorrido na manhã desta quarta-feira, 18, no Hospital Regional Dr. Pontes Neto de Quixeramobim teve repercussão na cidade. A enfermeira Maria Leonilde Pereira Cruz, 49 anos, chefe de enfermagem do hospital, denunciou a Polícia Civil o vereador Clébio Pavone (PSDB) por agressão.

Um Boletim de Ocorrência foi registrado na Delegacia Civil de Quixeramobim pela vítima, que ainda se submeteu a exame de corpo delito no Instituo Médico Legal- IML. Segundo a enfermeira a confusão ocorreu quando três pacientes levados pelo vereador aguardavam na fila. Os médicos estavam resolvendo questões burocráticas. Conta a profissional que após acionar o médico para retornar a emergência onde tinha mais de 54 pacientes a sua espera, a mesma iniciou uma discussão com o vereador que queria que os pacientes levados por ele fossem atendidos imediatamente, ou seja, furando a ordem da fila.

A enfermeira ainda afirmou que ao dizer que o médico ia retornar logo para a emergência, o parlamentar se alterou vindo a empurrá-la sobre a parede. Após o fim da discussão a enfermeira foi até a Delegacia Civil onde registrou o B.O. e seguiu para o IML onde realizou o exame de corpo delito.

A nossa reportagem entrou em contato com o vereador Clébio Pavone por telefone, em uma das ligações prometeu retorna-la para se defender melhor, pois naquele momento estava ocupado demais. Em poucas palavras disse que iria saber de que estava sendo acusado e que varias testemunhas viram o que realmente aconteceu no local. Como o vereador não retornou a ligação tentamos várias vezes, mas o celular estava desligado ou fora de cobertura da operadora.

Comente essa matéria e seja nosso seguidor no facebook.

Fernando Ivo
Correspondente em Quixeramobim
Jackson Perigoso
Edição



MAT�RIAS RELACIONADAS:

0 comentários: