quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Ceará lidera no repasse da frequência escolar de alunos do Bolsa Família, diz MEC

Termina hoje prazo para escolas cadastrarem frequência escolar de beneficiários do programa do governo federal.

Por: Roberta Farias

O prazo para que as escolas repassem para o Ministério da Educação (MEC) as informações referentes à frequência escolar de crianças e adolescentes beneficiárias do Programa Bolsa Família encerra-se na noite desta quinta-feira (22).

De acordo com os índices parciais apurados nos primeiros 15 dias deste mês, o equivalente ao período de outubro a novembro, o Ceará aparece com o maior número de acompanhamentos: 51% de registros de informações de frequência escolar de crianças e adolescentes atendidas pelo programa do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.

Dados do último relatório parcial do programa revelam que estados e municípios não prestaram informações sobre a situação de 59% dos alunos beneficiados pelo programa, número este que corresponde a 10,1 milhões de estudantes.

Benefício

Os beneficiários do Bolsa Família recebem entre R$ 32 e R$ 306, de acordo com a renda mensal per capita da família e o número de crianças e adolescentes com menos de 17 anos. O MEC acompanha a cada bimestre a frequência escolar dos beneficiários do Bolsa Família com idade entre 6 e 17 anos. Além de monitorar a presença dos alunos na sala de aula, as prefeituras precisam acompanhar a saúde das famílias beneficiadas pelo programa.

Informações sobre vacinação infantil e exames pré-natal de pessoas atendidas pelo Bolsa família devem ser atualizadas a cada seis meses no sistema do Ministério da Saúde. O prazo para esse registro termina em 13 de janeiro.

*Com informações da Agência Brasil





MAT�RIAS RELACIONADAS:

0 comentários: