quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Flamengo é goleado pela Universidad de Chile na Copa Sulamericana



Com Airton expulso no primeiro tempo, Fla perde de 4 a 0 e precisa de resultado improvável para seguir na competição

Da Redação, com Lancepress esportes@band.com.br

Jogadores da Universidad comemoram goleada no Rio.
Resultado praticamente garante vaga nas quartas de final
Mesmo com Ronaldinho Gaúcho e Thiago Neves em campo, o Flamengo sofreu na sua primeira partida internacional na Copa Sul-Americana 2011. Contra a Universidad de Chile no Engenhão, o time carioca foi goleado por 4 a 0 e precisa de um placar improvável de 5 a 0 na volta para se manter na competição.

Jose Rojas, Eduardo Castro (duas vezes) e Gustavo Lorenzetti marcaram os gols da vitória chilena, que ainda teve um pênalti desperdiçado na segunda etapa. Do lado carioca, Airton foi expulso ainda na primeira etapa. Francisco Castro também levou o vermelho, no segundo tempo.

O jogo de volta das oitavas de final acontece no dia 26 de outubro, no estádio Julio Martínez Prádanos, em Santiago. O vencedor vai encarar o Arsenal de Sarandí, da Argentina, que eliminou o Olímpia do Paraguai.

O jogo

O Universidad de Chile parecia que estava jogando em casa. Apesar de o Flamengo estar com o time completo, o time chileno não tomou conhecimento e dominou amplamente do primeiro ao último minuto. Resultado? A La U fez três gols facilmente e o time Rubro-Negro ficou olhando o time adversário jogar. O cartão de visitas foi dado por Castro logo no primeiro minuto. De fora da área, o atacante obrigou Felipe a fazer defesa difícil. Os muitos erros de passe e a marcação por pressão da La U dificultou a saída de bola do Flamengo, que errou muitos passes.

Não demorou até sair o primeiro gol. O lateral José Rojas aproveitou o bate e rebate na área e emendou. Ele contou com a falha do goleiro Felipe. Logo em seguida, o juiz Saul Laverni marcou erradamente impedimento de Lorenzetti. O único chute do Flamengo foi dado por Aírton. Com espaço na intermediária, o volante avançou e chutou com efeito para a boa defesa de Herrera.

O que estava difícil piorou após a expulsão de Aírton. Volante deu uma entrada forte no joelho de Osvaldo Gonzáles e deixou o time com um jogador a menos. Com um jogador a mais e jogando com muita superioridade, a Universidad de Chile tratou de ampliar a vantagem. Em cruzamento da esquerda, Vargas sobrou livre no meio da área e completou para fazer o segundo.

O time do Flamengo mal conseguia trocar passes e a La U colocava o time rubro-negro na roda. Em uma falha individual de Welinton, Vargas entrou sozinho na entrada da área e só teve trabalho de tocar por cobertura sobre Felipe: 3 a 0.

Segundo tempo

Sem força na marcação, o técnico Vanderlei Luxemburgo sacou Deivid na virada do intervalo e colocou Maldonado. O time do Flamengo voltou um pouco melhor e chegou algumas vezes na área da La U. Castro, aos seis minutos, deu uma cotovelada em Willians e foi expulso. Os dois time passaram a jogar com nove jogadores de linha.

A La U continuou em cima do Flamengo. Em jogada pela esquerda, Aránguiz recebeu dentro da área e foi derrubado por David. O juiz marcou pênalti. Rodriguez bateu mal e Felipe foi buscar. Mais aos 26 minutos foi inevitável. Em contragolpe rápido, Rodríguez deixou de calcanhar para Lorenzetti bater sem chance para o goleiro Felipe. O Flamengo tentou buscar, mas não conseguiu.

Fonte: Band.Com

 



MAT�RIAS RELACIONADAS:

0 comentários: