quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

CEOs no Cariri e Vale do Jaguaribe já têm consórcios gestores

O governador Cid Gomes se reuniu nesta segunda-feira (07/12) com os prefeitos de Barbalha, Caririaçu, Granjeiro, Jardim, Missão Velha e Juazeiro do Norte, todos no Cariri, para a formalização da criação de um consórcio gestor para o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) da região. Outra reunião também reuniu o governador com os gestores de Russas, Jaguaruana, Morada Nova, Palhano e Jaguaretama, para criar o consórcio do CEO no Vale do Jaguaribe. Os prefeitos se comprometeram em ajudar a custear e gerir os equipamentos, que devem ser inaugurados ainda este mês.

"O Cariri receberá mais um equipamento de ponta que cuidará da saúde bucal da sua população. Este é o primeiro equipamento do gênero no Brasil que conta com todas as etapas de atendimento com incorporação tecnológica digital", afirmou o Governador. O CEO de Juazeiro contará com 11 cadeiras de atendimento, sendo uma para cirurgia e uma para pacientes portadores de deficiência. A mesma estrutura será montada em Russas, no Vale do Jaguaribe.

Além do investimento na construção do CEO em Juazeiro do Norte, o Governo do Estado também será responsável por 40% do custeio do equipamento, que será de cerca de R$ 2,3 milhões por ano. Já os municípios responderão por 52,27% do custeio e o Governo Federal por 7,73%. Na Região do Cariri, o Governo do Estado também está construindo um CEO em Brejo Santo.

Ao todo, a previsão é que 672 pessoas sejam atendidas mensalmente no CEO de Juazeiro do Norte. A população será atendida por uma equipe formada por 47 funcionários. O investimento feito pelo Estado na construção do CEO foi de R$ 1,8 milhão.

Já no Ceo do Vale do Jaguaribe, que está sendo construído em Russas e que também atenderá 672 pessoas por mês, os municípios arcarão com 52,3% do custeio que tem previsão de R$ 2,3 milhões por ano. Na região do Vale do Jaguaribe, o Governo do Estado também está construindo um CEO em Limoeiro do Norte

"A participação das prefeituras é fundamental para que este equipamento tenha bom funcionamento e possa servir durante muito tempo ao povo desses municípios", destacou Cid.

Fonte: Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado


MAT�RIAS RELACIONADAS:

0 comentários: